sexta-feira, 16 de abril de 2010

O mundo espiritual não coincide com o material

Considerem Mundo Espiritual o espaço de nossas vidas onde nos enchemos da presença de Deus, orando, lendo sua palavra, praticando seus preceitos, buscando-o, exercendo nossa fé. Enfim, este espaço que não tem limites certos. Mas que existe de forma tão real quanto o que vemos e ouvimos todos os dias.

E, entendam por Mundo Material tudo o que faz parte de nossa vida que é palpável, visível e que para a maioria das pessoas que não conhecem o Mundo Espiritual consideram ser o único existente.

Agora, imaginem o que passou Ester em sua trajetória até a conquista da posição de Rainha do reino da Pérsia, e considerem também toda a angústia e pressão vivida por seu povo. Enquanto no Mundo Material Ester e seu povo perdiam longe: Mardoqueu, seu primo, seria enforcado. Ela era apenas mais uma virgem no harem, seu povo seria exterminado. Enfim, tudo andava contra eles. No Mundo Espiritual, Deus agia junto com os que criam de forma latente. Segundo a fé dos que criam. E no final, o que acontecia no Mundo Espiritual se materializou e a vitória foi completa. Ester se tornou a escolhida do harem, com isso se tornou rainha da Pérsia, Mardoqueu se tornou Primeiro Ministro do Rei Assuero. Hamã, amalequita que queria enforcar Mardoqueu, morreu enforcado na forca que fez para Mardoqueu e os israelitas venceram o exército de Assuero garantindo assim seu direito de viver.

Com Davi aconteceu o mesmo. Enquanto Davi pastoreava ovelhas, Deus o ensinava a ganhar de Golias. Com Moisés também. Ele teve que fugir para o deserto e ser pastor de ovelhas até que estivesse pronto para tirar o povo do Egito. Moisés estava perdendo feio. Foi criado no palácio com toda pompa para viver no palácio. Mas teve que fugir para o deserto depois de ter matado um egípcio tentando defender um judeu. Imaginem Moisés no deserto antes do deserto da libertação do povo de Israel. Ele devia pensar em como estava perdendo feio para tudo. Que sensação de derrota, que pressão! Mas ele não sabia que ainda não era hora de vitória. Algo muito melhor que a vida no palácio, era o que Deus tinha para ele. Mas as condições tinham que ser as piores antes dele ter sido levado por Deus a enfrentar o Faraó, de abrir o Mar Vermelho, de libertar e conduzir 2 milhões de pessoas pelo deserto até Canaã.

Amados, quando estamos “parados”, perdendo feio para Satanás, é que no Mundo Espiritual estamos vencendo bonito. O que acontece é que não podemos ver, porque não está materializada a vitória ainda.

Creia, irmã, creia. Pois, Deus só pode agir mediante a nossa fé. Espere sempre o melhor de Deus para a sua vida.

Dedico este artigo a minha amiga Inês, coordenadora pedagógica do C.E. Feliciano Costa em Conselheiro Paulino – Nova Friburgo/RJ

Um comentário:

  1. Paz,

    Parabéns, pelo seu trabalho neste blog. Que Deus em Cristo Jesus lhe continue abençoando poderosamente.

    Estou seguindo o vosso blog.

    Aproveito pra lhe convidar a visitar meu blog também. Avivamento pela Palavra é um blog voltado aos amantes da Bíblia sagrada como Verdade Absoluta e que só através Dela seremos mais crentes e mais cheios do Espirito Santo. Comente, pois seus comentários são muito importante para mim poder estar sempre em melhorias no meu blog.

    http://www.alexandrepitante.blogspot.com/

    Siga-nos também.

    Fica com Deus.
    Um abraço, Alexandre Pitante.

    ResponderExcluir